» Siga o MELHOR conteúdo do @radialistapessoa no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece em sua cidade.
Nesta quarta-feira, o Palmeiras foi derrotado por 2 a 1 pelo América-MG, em uma reviravolta, e foi ultrapassado pelo Flamengo, caindo para a terceira colocação. O jogo foi repleto de polêmicas envolvendo arbitragem, e Abel Ferreira não se aliviou ao falar sobre o assunto na entrevista coletiva.

O treinador defendeu a profissionalização da arbitragem na entrevista. No Brasil, a profissão não é regularizada e, portanto, árbitros e auxiliares costumam depender de outras ocupações para viver.

“Existem fatores que o treinador e os jogadores não controlam e que afetam o resultado. Acho urgente que a arbitragem seja profissional, não amadora. Queremos melhorar o futebol brasileiro”, disse Abel.

“Há muita coisa em jogo. Há dinheiro, prestígio e muito trabalho em jogo, não podemos ter arbitragem amadora quando somos todos profissionais. Os jogadores são profissionais, os treinadores são profissionais e temos arbitragem amadora. deve experimentar o futebol única e exclusivamente, porque não faz sentido ter árbitros amadores a este nível “, acrescentou.

Abel continuou criticando a equipe de arbitragem, pedindo a Leandro Pedro Vuaden que não arbitrasse mais as partidas do Palmeiras. Na partida desta quarta-feira, o árbitro gaúcho não expulsou Eduardo Bauermann, depois que o zagueiro cometeu falta na entrada da área sobre Rony, que sairia na frente do goleiro. Com isso, o Vuaden ainda marcaria dois pênaltis para o América-MG, e apenas um deles foi convertido.

“Infelizmente o VAR conseguiu ver os pênaltis, com esse árbitro que já é a terceira vez que ele apita nos nossos jogos. Não tenho nada contra ele, mas espero que ele não apite de novo para o Palmeiras. Contra o São Paulo, ele não viu penalidade claro do Luiz Adriano, nem mesmo o VAR viu. Hoje, um vermelho direto que tinha que ser aplicado no faltante do Rony. Ele não viu, e tudo mais afeta o resultado ”, pontuou o treinador.

Em abril deste ano, na Supercopa do Brasil, Vuaden apitou para a partida Palmeiras x Flamengo. O árbitro expulsou Abel, que reclamou veementemente. No resumo, o juiz relatou que aplicou o cartão vermelho após o treinador contestar ofensivamente as decisões e disse: “Você é um tendencioso do c ……”.

Apesar de tecer duras críticas à arbitragem, Abel também admitiu que o Palmeiras não teve um bom desempenho esta noite.

“Isso é futebol, temos que reconhecer que não fizemos um bom jogo. Reconhecer que nosso adversário teve mais habilidade e engenhosidade, com a bola, para ser mais confiante e corajoso, o que nos obrigou a defender mais, e isso não fizemos. Não temos capacidade de impor o nosso jogo com a bola. O Palmeiras não é só transitar “, finalizou.

Com a derrota, o Palmeiras ficou com 29 pontos, na terceira colocação. O próximo jogo da equipe é contra o Red Bull Bragantino, no sábado, às 21h, no Allianz Parque, que será parcialmente ocupado pela torcida.
Deixe o seu comentário

.


.

Deixe uma resposta