Bolsonaro diz que tomará “medidas racionais” contra a nova variante Covid-19 #politica

Link do nosso grupo simhttps://chat.whatsapp.com/EYIF9MIL0C9Ksg3Ju1VBsk


Jair Bolsonaro, Presidente da República (REUTERS / Ueslei Marcelino)

RIO DE JANEIRO (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira (26) que tomará “medidas racionais” em resposta ao surgimento de uma nova variante do coronavírus, detectada inicialmente na África do Sul, e que mais uma vez se manifestou contra medidas restritivas mais duras para conter a disseminação da Covid-19.

“Tudo pode acontecer. Uma nova variante é um novo vírus. O que fazer? É preciso se preparar! O Brasil não suporta um novo bloqueio”, disse o presidente a jornalistas após evento na Brigada de Infantaria Paraquedista do Exército, no Rio de Janeiro.

“Não adianta ficar com medo, (é) encarar a realidade”, acrescentou.

A nova variante do coronavírus, apelidada de omicron, uma variante da preocupação da Organização Mundial da Saúde foi declarada nesta sexta-feira (QUEM)

Anteriormente, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou ao governo restringir voos e viajantes de países do Sul do continente africano, incluindo a África do Sul.

“Vou tomar medidas racionais”, disse Bolsonaro aos jornalistas, dizendo que conversou sobre o assunto com o presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres, e com o ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira.

inscreva-se para Impulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem no seu bolso – de forma fácil de entender:

Deixe uma resposta