Educação Estadual define calendário letivo 2022

Educação Estadual define calendário letivo 2022

Link do nosso grupo simhttps://chat.whatsapp.com/EYIF9MIL0C9Ksg3Ju1VBsk


O ano letivo de 2022 terminará no dia 23 de dezembro. (Foto: Maria Odilia)

O calendário das atividades escolares de 2022 na rede estadual já está definido. As escolas estaduais terão como referência as seguintes datas: de 17 de janeiro a 4 de fevereiro, as inscrições online acontecem. De 14 a 18 de fevereiro, as equipes gestoras se reunirão para traçar o plano pedagógico. O ano letivo terá início a 21 de fevereiro, com aulas 100% presenciais, com uma semana de acolhimento socioemocional que decorre até 25 de fevereiro. As férias escolares decorrerão de 18 de julho a 1 de agosto. termina em 23 de dezembro.

As escolas estaduais iniciarão o ano letivo com todas as medidas de biossegurança que vêm sendo postas em prática desde 2019, também com investimentos depositados nos cofres escolares por meio do Profin, além do qual os alunos receberão uniforme escolar (camisa) e kit de material escolar. Em 2022, o Profin também passou por uma revisão e aumentou o valor do incentivo para projetos escolares para R$ 5 mil.

Segundo a diretora do Departamento de Inspeção Escolar (Dies), professora Eliana Borges, o processo que envolve a elaboração dos calendários escolares possibilita avanços nas questões administrativas e pedagógicas, “no que diz respeito à distribuição de merenda e livros didáticos, transporte escolar, então, todas as atividades administrativas são favorecidas com esse alinhamento, além de proporcionar qualidade de vida para professores que possuem mais de um vínculo ou para professores que possuem filhos em idade escolar. Por isso, estamos tentando, com a unificação dos calendários, fazer um trabalho social pela importância da convivência familiar, promovendo o bem-estar da comunidade escolar”, declarou.

Para apoiar as escolas, está disponível a Portaria nº 4.335/2021, que define as diretrizes para a elaboração do calendário escolar 2022. informações sobre férias, recesso escolar, planejamento, início e fim de semestre e ano, sábados letivos, avaliações, recuperação, período de acolhimento, reuniões de conselho, entre outros. Vale destacar que “a abertura de matrículas nas unidades de ensino está condicionada à aprovação de seu calendário escolar”, diz trecho da portaria.

Cadastro

As matrículas na rede estadual terão início no dia 17 de janeiro, por meio do Portal de Matrículas Online, onde será possível conferir a relação das escolas, seus respectivos níveis, modalidades de ensino e número de vagas. De 17 a 21 de janeiro, a fase de inscrição será confirmada. Quanto às matrículas de graduados, de 24 a 28 de janeiro; e inscrição de um candidato para a rede, de 31 de janeiro a 4 de fevereiro.

A diretora da Coordenação de Estudos e Avaliação Educacional (Ceave), professora Joniely Cruz, detalha as etapas da inscrição online. “Primeiro, começa a matrícula confirmada: as escolas realizam todo o processo de confirmação dos alunos que estão na rede, momento em que também são impressas as atas de desempenho dos alunos, onde é verificado seu status, além de atualizar os dados pessoais, cujos procedimento é realizado internamente. O segundo momento é a matrícula de egressos: isso significa que o aluno que está em nossa rede e precisa mudar de uma escola para outra o fará pelo Portal de Matrículas Online, dentro do período disponível. A terceira e última etapa será a matrícula de alunos de outras redes de ensino que desejem ingressar na rede estadual”.

“É importante ressaltar que, durante o período de início das inscrições, uma equipe estará à disposição de segunda a sexta, das 8h às 22h, para esclarecer dúvidas pelo telefone 0800-285-5321, além de outro canal que é o chat online do próprio Portal de Matrículas”, informou Joniely Cruz, ressaltando que as unidades de ensino colocarão à disposição da comunidade seus laboratórios de informática e outros equipamentos, além de um servidor para auxiliar os interessados ​​em realizar o procedimento, durante seus horários de funcionamento.

Outro ponto abordado por ela é a reestruturação do Portal de Matrículas Online para melhor atender a comunidade escolar. “A novidade é que este ano nosso portal passou por uma reformulação para atender as normas e ofertas do Novo Ensino Médio, bem como as demandas e oferta da Educação Profissional e Técnica (EPT). O ambiente vem com nova cara e layout para atender a esses novos contextos da educação básica na rede estadual de ensino”, acrescentou o diretor do Ceave.

Novo Ensino Médio

A matrícula nas turmas de 1º ano, bem como nas turmas de 1º e 2º ano da escola piloto do Programa de Apoio à Implementação do Novo Ensino Médio (ProNEM), será realizada com as seguintes orientações: O aluno estará matriculado no conjunto de componentes currículos de Formação Básica Geral e Itinerários de Formação, indissociavelmente; As escolas piloto do ProNEM devem oferecer, pelo menos, duas opções de Itinerários de Formação, em áreas distintas, ou de forma integrada, de acordo com a capacidade de oferta das Instituições de Ensino, permitindo que o aluno do 2.º ano se inscreva em diferentes regimes curriculares, por concelho onde há matrículas no ensino médio. Além disso, o aluno poderá cursar a Formação Básica Geral em uma instituição de ensino e o Itinerário de Formação em outra da rede estadual ou outras redes, gerando dupla matrícula no SIGA/SIAE.

Fonte: SEDUC

Deixe uma resposta