Mãe de gêmeos morre após incêndio em Gararu


» Siga o MELHOR conteúdo do @radialistapessoa no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece em sua cidade.
Neuténia Danielle Froes da Silva Lima, 34, faleceu na noite desta quarta-feira (29), após 12 dias na Unidade de Tratamento de Queimados (UTQ) do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). A vítim* era a mãe dos irmãos gêmeos que morreram carbonizados em um incêndio que atingiu um estabelecimento comercial da família no último dia 18 deste mês, no município de Gararu, no sertão sergipano.

Na tentativa de salvar os meninos, a mãe teve 45% de seu corpo queimado e teve graves lesões nas vias aéreas. Desde então, ela foi intubada na unidade de terapia intensiva, mas não resistiu e morr3u*. A informação foi confirmada pela Câmara Municipal do município, que emitiu uma nota de pesar pelo falecimento em solidariedade com os familiares.

O corpo foi liberado pelo Instituto Médico Legal (IML) e o sepultamento deve ser realizado em um cemitério de Monte Alegre, em Gararu, onde as crianças foram sepultadas.

Entre as vítimas sobreviventes, que ficaram feridas durante a tragédia, estavam: o pai das crianças, Pedro Fonseca; o irmão das vítimas, Antony Augusto Fróes; e os vizinhos da família, Raul Franklin Silva e Ubiratan Vieira Silva.

O trabalho pericial do Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE) teve início no dia 20 de setembro. Os procedimentos de pesquisa de especialistas incluem análise de propagação de chamas, materiais e áreas afetadas, inspeção de instalações elétricas, registros fotográficos, coleta de imagens e informações de câmeras. O relatório tem prazo de 30 dias para entrega, podendo ser prorrogado.



Deixe uma resposta