Opinião – Alvaro Costa e Silva: Campanha do voto jovem é a volta à política real

Opinião - Alvaro Costa e Silva: Campanha do voto jovem é a volta à política real


Há questões em que a tática do governo é fingir que não existem. A enorme fila de desempregados é invisível. Com fome? Infortúnio dos países africanos. O preço da cenoura e do tomate na feira registra uma inflação de 160%? O agronegócio, que é pop, jamais permitiria isso. Só a ameaça de golpe é real, o resto é guerra cultural. Uma rima e, para os bolsonaristas em campanha, uma solução.

As redes são nossas, e nelas falamos só o que queremos, atacamos e cancelamos, carregamos tags e memes, decidimos o que é mentira e o que é verdade, acreditamos na capa falsa da Time with Bolsonaro e não Não acredito na verdadeira capa da Time with Squid. Na verdade, esta revista não é de hoje que se vendeu ao comunismo, é irrelevante. A mídia somos nós.

Por isso, a campanha de incentivo ao voto dos jovens entre 16 e 18 anos —realizada principalmente pela internet— foi considerada uma invasão de território a ser combatida com todas as armas. Para atuar no esforço de batalha, foi convocado até um ambiente de influência não virtual: o canhão dos pastores. Aqui em Folha, Anna Virgínia Balloussier revelou que lideranças evangélicas intensificaram a agenda política, dentro dos templos, para vender o candidato de Bolsonaro a eleitores adolescentes.

Contra o lado negro da força, Marca Hamill — o já setenta Luke Skywalker da saga “Star Wars” — recomendou no Twitter que o título fosse retirado. Leonardo DiCaprio também se posicionou na trincheira da democracia. Defensor da liberdade de expressão, Bolsonaro ordenou que DiCaprio “ficasse de boca fechada” e parasse de falar “bobagem”. O inteligente é não perder a chance de interagir com quem tem mais seguidores que você, aproveitando a exposição.

E assim foi até o fim do mandato do TSE, que registrou dois milhões de novos eleitores. O adolescente nunca foi tão mimado. Só faltou a recomendação de Nelson Rodrigues: “Jovens, envelhecem rápido”.


LINK PRESENTE: Gostou deste texto? O assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Deixe uma resposta