» Siga o MELHOR conteúdo do @radialistapessoa no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece em sua cidade.
Nesta quarta-feira, o Palmeiras foi derrotado por 2 a 1 pelo América-MG, em uma reviravolta, no Independência, em jogo válido pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Verdão saiu na frente, com Ron, mas sofreu gols de Patric e Ademir, de pênalti. O revés faz com que a equipe comandada por Abel Ferreira caia para a terceira colocação.

O primeiro tempo foi de poucas chances no Independência. O Palmeiras teve uma postura mais conservadora, apostando nos contra-ataques, e mostrou grande eficácia, com Rony fazendo o gol na única chance do time. Coelho chegou duas vezes com Ademir, uma delas culminando com um chute na trave.

O time da casa teve uma grande chance de voltar do intervalo, depois que Jorge cometeu um pênalti. Porém, Felipe Azevedo acertou na trave. Mesmo assim, a equipe não diminuiu o ritmo e deixou tudo igual em um belo gol de Patric. O jogo ainda emocionou, já que Felipe Melo cometeu pênalti e, dessa vez, Ademir converteu a cobrança.

Com o empate, o Palmeiras estacionou com 29 pontos, na terceira colocação. O próximo jogo da equipe é contra o Red Bull Bragantino, no sábado, às 21h, no Allianz Parque, que será parcialmente ocupado pela torcida. Enquanto isso, o América-MG chegou aos 30 pontos, na décima posição. A equipe retorna a campo às 21h de sábado para enfrentar o Juventude fora de casa.

O jogo – O Palmeiras entrou em campo com postura cautelosa, apostando no contra-ataque. A primeira chance do jogo foi para o América-MG, com Ademir. O atacante arriscou de longe e acertou o travessão, assustando Jailson.

Aos 26 minutos, Ron recebeu passe em profundidade de Dudu, dominou e finalizou com firmeza, tirando de Cavichioli. A princípio, Vuaden anulou o gol, alegando que o atacante teria usado o braço na jogada, mas o gol foi confirmado na sequência.

Coelho respondeu, novamente com Ademir. O jogador trouxa da direita entrou e finalizou à esquerda do gol defendido por Jailson. Por fim, Zárate arriscou de fora da área e parou na defesa do goleiro do Verdão, que mandou para escanteio.

Segundo tempo

Logo no início da etapa final, Gabriel Menino acertou falta rasteira na entrada da área, Cavichioli rebateu e Dudu mandou para a rede, mas o atacante estava impedido.

Aos 12 minutos, Jorge bloqueou um chute com o braço, e o árbitro sinalizou pênalti após consulta ao VAR. Na cobrança, Felipe Azevedo, que acabava de entrar, chutou muito alto e a bola parou no travessão. Depois, Alê recebeu um cruzamento da esquerda e testou.

O Palmeiras respondeu com Patrick de Paula, que escapou pela esquerda. O meio-campista acertou forte na bola e mandou de fora para a rede. Em seguida, o Veiga lançou o Dudu pela esquerda, e o atacante finalizou depois de trazê-lo para dentro, mandando-o por cima do travessão.

Aos 28 minutos, o América-MG chegou ao empate. Após um curto escanteio da esquerda, Patric mandou no ângulo oposto, ultrapassando Jailson e deixando tudo igual. Na sequência, Rodolfo foi disparado da esquerda, cortou por dentro e jogou a bomba, exigindo a defesa do goleiro do Palmeiras.

Precisando fazer o segundo gol, o Verdão desperdiçou duas chances seguidas. Primeiro, Scarpa arriscou um chute que foi desviado e caiu nas mãos de Cavichioli. Na sequência, Wesley foi lançado pela esquerda, invadiu a área e tentou passar por cima do goleiro, mas não foi forte o suficiente.

Aos 44 minutos, foi a vez de Felipe Melo bloquear com o braço em um carrinho, e Vuaden sinalizou pênalti após consulta ao VAR. Na cobrança, Ademir deslocou Jailson e mandou-o pela esquerda, garantindo a vitória de Coelho.

FICHA DE DADOS
AMÉRICA-MG 2 X 1 PALMEIRAS

Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Encontro: Quarta-feira, 6 de outubro de 2021
Cronograma: 21h30 (Brasília)
Juiz: Leandro Pedro Vuaden (RS)
assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza (ambos do RS)
VAR: Bins Daniel Nobre (RS)
cartões amarelos: Eduardo Bauermann, Patric (América-MG); Gabriel Menino, Jorge, Felipe Melo (Palmeiras)

METAS:
Palmeiras: Ron (26 minutos do primeiro tempo)
America-MG: Patric (28 minutos do segundo tempo) e Ademir (47 minutos do segundo tempo)

AMÉRICA: Matheus Cavichioli, Patric, Ricardo Silva (Anderson Jesus), Eduardo Bauermann e Marlon (Alan Ruschel) Lucas Kal (Rodolfo), Alê, Juninho; Fabrício (Ribamar), Ademir e Zárate (Felipe Azevedo).
Técnico: Vagner Mancini

PALMEIRAS: Jailson; Luan, Kuscevic, Renan; Gabriel Menino, Felipe Melo, Patrick de Paula (Danilo Barbosa), Raphael Veiga (Gabriel Veron), Jorge (Wesley); Dudu (Gustavo Scarpa) e Ron (Deyverson).
Técnico: Abel Ferreira
Deixe o seu comentário

.


.

Deixe uma resposta