PC elucida tentativa de homicídio no município de Cedro de São João – Polícia Civil

Link do nosso grupo simhttps://chat.whatsapp.com/EYIF9MIL0C9Ksg3Ju1VBsk


27 de dezembro de 2021, 12h55

O idealizador do crim3 foi preso na última segunda-feira (20). Os outros dois autores do crim3 foram identificados e levados à delegacia nesta manhã (27)

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Cedro de São João, com apoio da Delegacia Regional da Propriá, elucidou uma tentativa de homicídio contra Fernanda Martins Andrade, ocorrida na última segunda-feira (20), no município de Cedro de São João, Região do Baixo São Francisco Sergipano. O idealizador do crim3 foi preso na última segunda-feira (20). Os outros dois autores do crim3 foram identificados e levados à delegacia nesta manhã (27).

Segundo a delegada responsável pela investigação, Natasha Gusmão, as investigações começaram logo a seguir ao crim3. “Fomos chamados para apurar um crim3 de roubo envolvendo Fernanda Martins Andrade e Marcelo Santos Andrade. O casal estava em casa, quando os criminosos anunciaram o assalto e atiraram em Fernanda na região da cabeça. Ela foi encaminhada ao Hospital Regional de Propriá, onde coletamos informações sobre a possível motivação para o crim3, relação extraconjugal mantida pelo companheiro da vítim* com outra mulher ”, explicou.

No mesmo dia, as equipes localizaram a suposta amant3* e a levaram para a Delegacia, onde ela acabou confessando ter participado do crim3. “Durante seu depoimento, ela confirmou que havia repassado a duas pessoas informações sobre o cotidiano do casal, para que o crim3 fosse cometido. Desta forma, elaboramos o auto de prisão no ato da suposta autora, além de representá-la em prisão preventiva ”, destacou a delegada Natasha Gusmão.

Ainda durante as investigações, equipes da Delegacia de Cedar, em São João, analisaram as imagens da residência do casal, identificando o autor dos tiros contra a vítim*, que foi presa na manhã desta segunda-feira (27). “Uma vez identificados, representamos sua prisão, cumprida esta manhã. Na ocasião, também cumprimos o mandado de busca e apreensão de sua residência. Lá, encontramos a arma supostamente usada no crim3, a motocicleta usada na fuga e as vestimentas identificadas no vídeo ”, explicou o delegado.

Em depoimento na cena do crim3, o indivíduo confessou a participação de outro indivíduo no crim3, que foi identificado e localizado. “Após o relatório do suposto carrasco, nossas equipes revistaram e localizaram o co-autor do crim3. Agora ele está na delegacia, para recolher os depoimentos ”, destacou a delegada Natasha Gusmão.

Após a prisão do terceiro envolvido, a Polícia Civil dará continuidade às investigações, para que a investigação seja concluída e encaminhada ao tribunal nos próximos dias.

Deixe uma resposta