» Siga o MELHOR conteúdo do @radialistapessoa no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece em sua cidade.
O mês de setembro foi cumpridor por 2.070 mortes por covid-19 no estado do Rio de Janeiro, 35% a menos do que o registrado em agosto, quando 3.215 pessoas morreram em decorrência da doença e a variante Delta passou a ser predominante no estado. Esse é o menor número de mortes causadas pelo vírus desde o começo deste ano.

Em abril, período de maior mortalidade pela doença no estado, foram perdidas 7.905 vidas, 75% de mais do que o registrado em setembro.

A Secretaria de Estado da Saúde identificou indicadores precoces, como visitas a unidades de emergência, muito inferiores aos registrados ao longo de toda a pandemia de coronavírus. de acordo com o secretário estadual de Saúde, Alexandre Chieppe, “este é um minuto de maior tranquilidade, porém que de novo requer colaboração da população, com adesão à campanha de vacinação, que se mostrou bastante satisfatória. Hoje, temos mais de 50% dos adultos com o esquema vacinal completo e mais de 90% com a primeira dose. Estamos caminhando para voltar aos poucos à normalidade ”, disse.

Entre agosto e setembro, o Estado do Rio de Janeiro teve quase sete milhões de doses da vacina contra covid-19 aplicadas, deu começo à campanha para adolescentes e autorizou a dose de reforço para idosos e profissionais de saúde.

O Estado do Rio aplicou cerca de 20 milhões de vacinas contra o covid-19 na população. Em relação ao número de casos, a queda foi de 83% na comparação da semana epidemiológica 33 (período de 15 a 21 de agosto) com 37 (de 12 a 18 de setembro).

Deixe uma resposta