SE é o 3º do Nordeste em população vacinada com 2ª dose ou dose única


» Siga o MELHOR conteúdo do @radialistapessoa no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece em sua cidade.
(Arte: SES)

Sergipe chega à terceira posição no ranking dos estados do Nordeste com o maior percentual de população vacinada contra a Covid-19 na segunda dose ou em dose única. A informação foi divulgada pelo Consórcio de Veículos de Imprensa, com base nos números que são divulgados diariamente pelas Secretarias Estaduais de Saúde.

O estado aparece no ranking com 40,26%, perdendo somente para o Rio Grande do Norte com 41,75% e em primeiro lugar o Ceará com 41,93%. O ritmo de vacinação em Sergipe tem impulsionado o avanço no número de pessoas que completaram o ciclo de imunização, até o instante, foram aplicadas 901.298 segundas doses de vacinas, 40.125 doses únicas e 11.599 doses de reforço.

A Secretaria de Estado da Saúde de Sergipe (SES) tem mantido o ritmo de distribuição dos imunobiológicos recebidos sistematicamente pelo Ministério da Saúde (MS). “É meta de Sergipe poder avançar cada vez mais na imunização completa de nossa população. Para gerar essa barreira protetora necessária contra o coronavírus, somente com a aplicação de duas doses, dose única e dose de reforço, sabemos que de novo há muito a fazer, todavia temos o orgulho de perceber que estamos no caminho correto , sempre avançando. Todo trabalho de conscientização é desafiador, todavia nunca paramos de trabalhar para que a população sergipana seja protegida e assim continuaremos ”, relata a secretária de Estado da Saúde, Mércia Feitosa.

Os bons resultados que vêm sendo veiculados pela imprensa nacional se dão pela operacionalização criada pela SES desde o começo da pandemia de coronavírus. A distribuição de doses atingiu o número de 3.073.157, e o Ministério da Saúde já entregou 3.104.645 imunobiológicos até o instante. “Desde o dia em que a SES recebeu as primeiras doses, implantamos um sistema de distribuição de vacinas para que as doses sejam entregues no menor tempo provável, ou seja, estipulamos o período de 24 horas do recebimento à distribuição. Além disto, frequentemente realizamos campanhas com os municípios para priorizar esquemas completos de vacinação. A população precisa entender que a primeira dose sozinha não é suficiente para impedir o avanço do Covid-19 ”, destaca Ana Beatriz Lira, enfermeira do Programa Estadual de Imunizações.

O cumpridor por organizar a distribuição dos imunobiológicos para as regiões sergipanas assegura de novo que as ações de busca ativa têm sido fundamentais para vacinar com a segunda dose. “O estado, em parceria com os municípios, tem buscado ativamente as pessoas que precisam fechar o ciclo de vacinação. Desta forma, os municípios identificaram quem pode regressar, potenciando uma maior chamada a este público ausente. Além disto, promovemos distintas campanhas de divulgação de datas e locais de vacinação, o que tem feito Sergipe crescer na cobertura de segunda dose, queremos manter os números cada vez maiores em nosso estado ”, reitera Ana Lira.

Segundo a Vigilância Epidemiológica da SES, 290 mil pessoas podem tomar a segunda dose em Sergipe. “Avançamos na imunização completa com partos D2 para os municípios. Para modificar esse quadro epidemiológico que vivemos, para limitar a circulação da variante Delta, precisamos aumentar a cobertura, principalmente com a segunda dose. É muito relevante que todos vejam o cartão de vacinação, se já se passaram oito semanas desde a primeira dose, se já está no horário, verifique se o seu município já está fazendo a vacinação ”, explica o administrador de Vigilância em Saúde, Marco Aurélio Goes .

A Secretaria de Estado da Saúde solicita que a população que precisa realizar a vacinação fique atenta ao prazo recomendado para cada tipo de imunizante. Notícias sobre locais e datas de vacinação são divulgadas pelos municípios com frequência em suas redes sociais e outros meios de comunicação, em caso de dúvida, procure uma UBS para obter notícias. A SES reitera que, apesar dos bons resultados, o número de pessoas que devem tomar a segunda dose da vacina de novo é muito grande.

Fonte: SES

Deixe uma resposta