Dia dos Pais promete trazer bons resultados para a economia de SE


» Siga o MELHOR conteúdo do @radialistapessoa no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece em sua cidade.
Momento econômico distinto explica a queda nas vendas no varejo, afirma vice-presidente da Acese (Foto: Marcelle Cristinne)

Números recentes da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), do IBGE, mostram que o volume de vendas no varejo sergipano teve redução no mês de agosto. O indicador aponta queda de 1,7% em relação ao mês anterior e de 9,9% em relação ao mesmo mês de 2020.

Mas, para Robson Pereira, vice-presidente da Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese), esse esfriamento tem uma explicação. Segundo ele, é importante comparar o cenário econômico de agosto de 2020 e 2021. “São situações diferentes”, garante.

“Em agosto de 2020, começamos a falar sobre alguns sinais de abertura. O cidadão ficou meses sem conseguir consumir, mas recebendo uma ajuda emergencial que lhe dá condição de respirar, e em agosto as coisas começaram a reabrir. Ou seja, todos correram para o topo ”, explica.

“Já em agosto deste ano, estamos em um momento totalmente diferente – em que a ajuda emergencial tem um valor muito menor, reduzindo a capacidade de compra. É preciso levar em conta também a alta da inflação ”, acrescenta Robson.

Outra justificativa apontada pelo vice-presidente da Acese é a educação financeira que muitos consumidores adquiriram como forma de sobreviver à crise provocada pela pandemia. Segundo essa visão, muitos tiraram o pé do acelerador por medo de se endividar.

“O cidadão sabe que se consumir e por algum motivo não conseguir pagar esta conta, terá que arcar com os juros mais elevados. Então ele está com medo de se endividar. Tem tanta gente incluída nisso, optando por endividar menos ”, analisa.

No entanto, apesar da queda, Robson Pereira garante que o momento é de otimismo, alavancado pelas vendas no Dia das Crianças e no Natal. “Dependendo do otimismo do mercado, nas datas comemorativas de final de ano, as coisas podem ser realinhadas”, finaliza.

Fonte: Login

Deixe uma resposta